terça-feira, 7 de julho de 2009

Aplausos e Vaias para Mineirinho


Mineirinho não é o cara. É o vice-cara. Esse é o espírito que, pelo menos pra mim, ficou depois da etapa do Brasil. O garoto é brilhante, disso nunca tive dúvidas, ta com um surf redondo (vou cobrar Merchan da Skol), atacando o lip sem medo, com força, garra e boa técnica. Mas isso não basta.

Momentos antes da final, eu estava tão adrenalizado quanto ele, tentando imaginar o que um cara ali, diante de sua torcida, em uma final história contra o Kelly e brigando acima de tudo, pela corrida ao título mundial, poderia pensar em fazer. Teria que ser gênio. Teria que ser o novo campeão. Teria que ser mais. Mas não foi.

Mineirinho entrou já derrotado na bateria. Como se uma final, em seu país, diante de Slater, já fosse o suficiente. Besteira. Quando pegou aquela bela onda, e fez o 8, deu por encerrado seu belo trabalho desde a 3° fase, onde começou a mostrar mesmo seu surf. Faltava apenas 15 minutos, o mar em condições ruins, com séries muito demoradas e quase sempre fechando. Tinha o queijo, a faca, mas faltou o apetite.

Slater sentiu isso e mostrou porque é 9x campeão do mundo. Mas contra muitos, ali, ele não viraria. Também não gostei como Mineirinho comemorou como se tivesse ganhado o título mundial. Dar as mãos a um lendário campeão, é um honra. Agora dar uma de fã a um adversário, depois de perder daquele jeito, é uma bosta.

Que em JBay, esse sentimento de “tá bom” só seja saciado com a vitória, fora isso, nunca será um Campeão Mundial. E que, nossa imprensa "especializada", pare de criar esteriótipos que não existem. Pois já provamos isso muitas vezes, e morremos em todas, com o nosso próprio veneno.

Um comentário:

  1. Fala Juliano!

    Concordo 100% com o que você disse nesse texto. Na verdade, já havia reparado isso no Quiksilver Pro 2009. O mineiro saiu comemorando pra caralho da semifinal e chegou na final contra o Joel Parkinson com uma atitude de segundo colocado... entrou para perder!
    Com certeza não precisamos de mais um Rubinho Barrichello no surf.

    Aloha!

    Sapo

    ResponderExcluir

Fala que eu te escuto. Aqui é tudo liberado.